+Literacia – um projeto da ADEIMA

O projeto +Literacia da ADEIMA - Associação para o Desenvolvimento Integrado de Matosinhos, recebeu uma Menção Honrosa no âmbito do Prémio Semana ALV 2016 pela promoção e o desenvolvimento da cidadania nos adultos naquele município.
O projeto + Literacia é um dos muitos projetos da ADEIMA que tem como objetivo central promover a integração económica dos grupos sociais menos favorecidos da população do concelho de Matosinhos.
Este projeto configura-se, como uma resposta local para um problema nacional da nossa sociedade: assegura uma formação que mais do que abordar as capacidades de usar a linguagem e a escrita e desenvolver as suas próprias potencialidades, valoriza a participação cidadã com uma perspetiva crítica e responsável.

 

Projeto + Literacia

Reconhecendo a aprendizagem ao longo da vida como uma necessidade de intervenção prioritária, a Associação para o Desenvolvimento Integrado de Matosinhos-ADEIMA promove projetos que procuram responder às necessidades educativas e formativas da população. O projeto +Literaciatem como principal objetivo a promoção e o desenvolvimento da cidadania nos adultos do município de Matosinhos, alicerçando-se no desenvolvimento das literacias dos formandos e na intervenção sociocognitiva. O desenvolvimento das literacias básicas inclui a abordagem e o desenvolvimento de competências em diferentes áreas disciplinares. Mais do que se explorar conteúdos específicos de cada uma das áreas científicas, pretende-se desenvolver competências específicas com praticabilidade real e contextualizada.

- Alfabetização: desenvolver competências de leitura e escrita recorrendo a metodologias que permitam o desenvolvimento das mesmas, com obrigatoriedade de as relacionar com a comunicação. Reconhece-se que ao longo do projecto se deve tomar em consideração o formando e as suas idiossincrasias de aprendizagem, de forma a sustentar-se uma educação significativa para o mesmo.

- Literacia matemática: promover o desenvolvimento da literacia e da competência matemática, área científica imperiosa para a integração e ação na vida social. Evidencia-se a necessidade básica de desenvolver competências matemáticas essenciais para a participação na vida social, sem as quais se torna difícil agir em sociedade.

- Literacia científica: promover o desenvolvimento de competências científicas que permitem tomar decisões. São implementadas aprendizagens que visam estimular a compreensão do mundo e a forma como cada um se relaciona com ele e, de forma complementar, ilustrar o processo científico e a forma como a ciência implica e se implica no quotidiano das pessoas.

- Literacia digital: explorar conteúdos específicos de informática e promover aprendizagens digitais que reforcem o uso fundamentado dos diversos aparelhos tecnológicos das sociedades contemporâneas.

Consciência histórica e social: explorar conteúdos específicos relativos à consciência histórica e social e promover momentos de análise sobre os contextos sociais, como alavanca para a compreensão do meio humano e social. Desenvolvimento sociocognitivo: a população adulta iletrada revela, frequentemente dificuldades ao nível das funções executivas como, memória, atenção seletiva e flexibilidade cognitiva e também relativamente às suas competências pessoais/sociais.

Considerou-se assim pertinente incluir não só a promoção das literacias básicas mas também a promoção de competências pessoais/sociais e das funções executivas essenciais para o desenvolvimento da cidadania dos formandos. As competências pessoais/sociais abrangidas são a motivação, trabalho em grupo, comunicação e assertividade e a gestão de conflitos, salvaguardando-se uma abordagem adaptada às necessidades de cada individuo. Ao nível das funções executivas incidir-se-á na memória de trabalho, flexibilidade cognitiva, planeamento, tomada de decisão e no controle atencional, o que facilitará a integração das literacias básicas. Para se atingir os objetivos propostos, desenvolveu-se um currículo próprio (Anexo1),baseado nas indicações do Programa de Competências Básicas (Catálogo Nacional de Qualificações) e adaptado às necessidades e potencialidades específicas dos formandos. Este currículo pretende estruturar e integrar as aprendizagens de forma contínua e progressiva não tendo um carácter estanque. Atualmente, por se reconhecer que o projeto +Literacia tem, intrinsecamente, uma forte componente educativo-pedagógica, incorpora na sua equipa de trabalho dois professores com habilitação para docência do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Todavia, entende-se que o projeto não é meramente formativo e tem uma componente que ultrapassa os aspetos formativo-pedagógicos. Considerou-se relevante integrar duas psicólogas com vista à prossecução dos objetivos de desenvolvimento sociocognitivo.

 

No terreno, o projeto +Literacia engloba 98 formandos, distribuídos em 8 grupos de formação, sediados nas 4 uniões de freguesias do Município de Matosinhos. Cada grupo tem 3 sessões semanais (3h/sessão),num total de 350h,em que duas são garantidas pelos professores e a terceira pelas psicólogas. Os grupos foram organizados e decorrem numa lógica de proximidade para que seja garantida a acessibilidade ao local de formação. Destaca-se o apoio para deslocação em transporte público nos casos em que a distância associada à vulnerabilidade económica possa ser um obstáculo à participação. O projeto iniciou as sessões em abril de 2016 e a sua primeira edição termina em abril de 2017.Além do desenvolvimento de sessões em contexto de sala, com recurso a metodologias ativas, os formandos participam em sessões em contextos reais de vida, onde é assegurada a intenção educativa, como a Fundação de Serralves, Aquário Sea Life, estando calendarizadas outras visitas: Museu dos Descobrimentos e Casa da Música. Destaca-se ainda a articulação com o Centro para a Qualificação e o Ensino Profissional da ADEIMA que, a montante, assegurou o diagnóstico e orientação das pessoas abrangidas pelo projeto. A jusante, terá também um papel chave no apoio à persecução do projeto de educação formação e/ou de inserção profissional dos formandos que podem prosseguir para respostas subsequentes ao +Literacia. Tendo em conta a adesão dos formandos ao projeto e os resultados atingidos pelos mesmos, a continuidade do +Literacia torna-se pertinente. Estes dados são reforçados pelo facto de no Concelho ainda persistir um número expressivo de pessoas que, pelo facto de evidenciarem baixos níveis de literacias básicas, não têm oportunidade de aceder a respostas de educação formação com certificação escolar e/ou profissional. Deste modo, prevê-se a inclusão do +Literacia ou de respostas que possa vir a inspirar, dirigida às pessoas com o referido perfil, no Plano Educativo Municipal assumindo um caráter de continuidade.

 

Para saber mais sobre a ADEIMA - Associação para o Desenvolvimento Integrado de Matosinhos

A Associação para o Desenvolvimento Integrado de Matosinhos - ADEIMA, é uma associação sem fins lucrativos que desenvolve, desde 1992, projetos de intervenção comunitária tendo-se constituído com o objetivo central de promover a integração social e económica da população mais vulnerável do concelho de Matosinhos.

Sendo a intervenção social a sua marca distintiva, tem vindo, ao longo de 20 anos, a desenvolver a sua actuação em torno dos factores que se constituem como mecanismos de pobreza e exclusão social. Responder aos problemas identificados e desenvolver uma estratégia de intervenção que vai no sentido da colmatação de lacunas ao nível das respostas sociais existentes e da criação das complementaridades necessárias a uma lógica de rentabilização de recursos, são alguns dos objetivos da sua intervenção.

Assente numa abordagem de intervenção sistémica e multidisciplinar, que conta com uma vasta rede de parceiros, a ADEIMA opera em Eixos Estratégicos do Plano de Desenvolvimento Social de Matosinhos, a saber: Educação, formação e inserção laboral; Condições de vida e cidadania; Inovação, qualificação de equipamentos e respostas sociais; Riscos e Perigos; Participação, trabalho em rede e produção de conhecimento.

A melhoria das condições de vida e bem-estar da população, são um dos principais resultados alcançados pela implementação destes projetos, que abrangem as diferentes franjas da população garantindo a acessibilidade de grande parte das pessoas às diferentes respostas sociais disponibilizadas. A ADEIMA alcançou cerca de 1 876 agentes locais em ações de formação sobre prevenção de comportamentos de risco; 26 887 pessoas em ações orientadas para o emprego, qualificação e promoção da saúde; 66 562 crianças em ações de prevenção e equipamentos sociais; 376 pessoas idosas através de ações de voluntariado e formação e 16 096 famílias no acompanhamento multidisciplinar e sistemático de proximidade.

Esta proximidade com a comunidade tem possibilitado à ADEIMA dar respostas ajustadas às necessidades sentidas a nível local e pretende-se que a associação continue a afirmar-se como preponderante no município de Matosinhos. Deste modo, estão implementados os seguintes projetos: Centro para a Qualificação e o Ensino Profissional; Loja de Emprego; Gabinete de Inserção Profissional; Associação de empresários pela inclusão social (EPIS), GO - Garantir Oportunidades; Novas Metas; Protocolos de Rendimento Social de Inserção e o projecto a concurso, +Literacia, entre outros.

ADEIMA no Facebook: https://www.facebook.com/AdeimaMatosinhos/